O Islã

O meu xará me fez refletir sobre o problema da violência bolivariana na versão muçulmana (adoro usar este termo “bolivariano”, soa bem com certos conceitos, pareço até aqueles pseudo-cientistas sociais que acham que resolvem o problema criando novos substantivos (ou adjetivos)…).

E aí achei esta interessante reflexão:

Why is it that Christians and Jews and members of all religions other than Islam can criticize their religious leaders and raise questions about anything and everything, and raise doubts concerning some of the concepts in their beliefs, without provoking any tumult or violence against those asking the questions or raising the doubts, and without their being punished? The Muslims are the only ones who raise a storm when any criticism or question is directed at an issue concerning their religion, while [at the same time] insisting that freedom of religion and belief is guaranteed in Islam and in Islamic countries.

O trecho acima é de um texto de Abd Al-Khaliq Hussein e é realmente algo que sempre penso. Aqui, no tal mundo ocidental, você pode criticar e até prender um líder religioso (claro, ele não está acima da lei) sem muito problema. Mas lá, infelizmente, a prática ainda é predominantemente…outra.

Claudio

About these ads

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s